Huguinho, de seis anos, como a Mafalda, adora sopa, ao contrário da Mafalda. Ambos, porém, amam a Democracia.

Filha de Joaquín Salvador Lavado Tejón, o Quino, Mafalda nasceu assim, em dose dupla, no dia 29 de setembro de 1964, nas páginas 22 e 64 da revista argentina Primera Plana:

Nesta terça-feira, 29, portanto, Mafalda completa, inteiraça, firme, altiva, 56 anos de amor à Democracia, por mais que, em idade biológica, nunca tenha saído dos seis – “la pequeña de ideas progresistas”.

Agora mesmo, na pandemia, Mafalda e Quino, junto com mais nove artistas argentinos, estão participando da campanha do governo Alberto Fernández brilhantemente intitulada “Cuidarte es Cuidarnos”, de conscientização sobre a emergência sanitária.

Trata-se de uma iniciativa conjunta dos ministérios argentinos da Cultura e da Saúde e da Secretaria de Medios de La Nación. Coisa de país que tem governo.

Assista abaixo ao vídeo da campanha.

Apoie a imprensa democrática

Camarada leitor, leitor camarada, é como se diz nas cações açucaradas: Come Ananás precisa de você para viver. Come Ananás conta com você que conta com Come Ananás – com a imprensa democrática em geral – para romper com o ronrom da mídia corporativa.

Deixe um comentário

Deixe um comentário