Bolsonaro envia ao Congresso ‘lei da carta branca’ para matar manifestantes

Na Bolívia, está em vigor um decreto editado pelo governo golpista que autoriza a participação das Forças Armadas na repressão a manifestações e exime os militares de responsabilidades criminais por atos praticados nessa “missão”. Até agora, dezenas de pessoas que protestavam contra o golpe civil-militar contra Evo Morales foram mortas.